SOU – Saúde Ocupacional Unimed

Com mais de 20 milhões de clientes e 351 cooperativas médicas distribuídas pelo País, a Unimed se consolida como o maior sistema cooperativista de trabalho médico do mundo, contando com a maior rede própria de atendimento médico-hospitalar do Brasil.

O SOU - Saúde Ocupacional Unimed busca atender a demanda das empresas interessadas em cumprir as legislações de Saúde e Segurança do Trabalho, diminuir o absenteísmo por meio da gestão da saúde e mitigar os riscos relacionados a acidentes e doenças no trabalho.

Serviços Completos em Saúde Ocupacional

O SOU oferece serviços completos em saúde ocupacional, visando auxiliar as empresas no que se refere ao atendimento das legislações relativas à Segurança e Saúde no Trabalho. Os serviços podem ser contratados de forma independente por qualquer empresa, mesmo por aquelas não clientes dos produtos de assistência médica Unimed. 

A equipe de profissionais é formada por especialistas nas áreas médicas e de segurança no trabalho, com estrutura completa e equipamentos de última geração para assessorar os clientes em todas as demandas relativas aos serviços prestados de acordo com a legislação. 

Diferenciais

+ Atendimento nacional

+ Totalmente adequado ao e-Social

+ Trabalho embasado em protocolos e procedimentos técnicos desenvolvidos pelo Sistema Unimed

+ Havendo condições, tais como, local apropriado para a realização de exame médico e uma programação com um número mínimo de colaboradores, o médico do SOU vai até a empresa para realizar os exames médicos

+ Coleta de exames complementares na própria empresa (dependendo do número e do tipo de exames)

+ Várias opções de laboratórios e clínicas, com rede credenciada de alto nível e disponível em várias regiões

+ Excelente relação custo-benefício. 

Por que uma empresa deve contratar serviços de Saúde Ocupacional?

Todas as empresas ou instituições que admitam trabalhadores como empregados, independentemente do tamanho e grau de risco, tem como obrigação legal a elaboração e implementação dos programas de Saúde e Segurança no Trabalho. Portanto, não importa se trata-se de um pequeno estabelecimento comercial com apenas um empregado ou uma grande indústria, pois ambas terão que cumprir as legislações relativas às suas atividades.

E se minha empresa não realizar a implementação destes programas?

O descumprimento das legislações relativas à Saúde e Segurança no Trabalho implicam em pesadas multas previstas na Norma Regulamentadora nº 28 (Fiscalização e Penalidades), e pode também gerar o embargo ou interdição do setor de trabalho ou da atividade da empresa.

Obs.: Caso sejam necessários deslocamentos superiores a 100km por parte da equipe técnica do SOU, os custos de deslocamento e estadia (se necessária) serão submetidos à aprovação do cliente, que poderá autorizar ou não a realização dos serviços. 

Atendimento a todas as NRs

NR-7
Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional
NR-07
Treinamento de Primeiros Socorros
NR-9
Programa de Prevenção de Riscos Ambientais
NR-23
Treinamento de Brigada de Incêndio
NR-05
Comissão Interna de Prevenção de Acidentes
NR-13
Elaboração de Laudos de Caldeiras e Vasos Sob Pressão
NR-15
Laudo de Insalubridade
NR-18
Programa das Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção
NR-16
Laudo de Periculosidade
NR-22
Programa de Gerenciamento de Risco da Indústria Mineradora
NR-10
Laudo de Instalações Elétricas
NR-17
Avaliação Ergonômica
Estruturação de serviços ambulatóriais para prestação de serviços médicos e de enfermagem na empresa
Serviços de assistência técnica pericial em demandas trabalhistas e previdenciárias

Exames Toxicológicos

Os exames relativos à Lei 13.103 de 2/3/2015 são exigidos para os motoristas com categoria C, D, E e deverão ser realizados tanto para os motoristas autônomos quanto para os empregados em empresas de transporte. Serão exigidos na primeira habilitação e na renovação da carteira, ou dependendo do tempo que tenha sido realizado, a cada dois anos e meio.

Quando começa a valer?
A partir de janeiro de 2016.

Para quem é exigido?
Nos exames admissionais e periódicos em empresas de transporte.

A que se propõe?
Detecção de substâncias ilícitas e lícitas que implicam em risco para o motorista e para a população. Neste tipo de análise, a informação é captada por meio de fio de cabelos/pelos. Pode ser detectado o consumo de até um ano, no máximo, e, no mínimo, 90 dias. Este exame tem janela de detecção maior que a urina.

 

Para mais informações entre em contato com nossos consultores

top